Borussia Dortmund entra na briga por Almirón

A historia sobre a transferência de Miguel Almirón ganhou mais um capitulo nestes últimos dias. O paraguaio de 24 anos, que desperta o interesse de vários times na Europa, como o Arsenal (ING), Leicester City (ING), West Ham (ING), Newcastle (ING) e Atlético de Madrid (ESP), agora parece ter outra opção de clube para ir em janeiro.

Segundo o Sports.de da Alemanha, o Borussia Dortmund entrou na corrida para contar com o jogador em janeiro. De acordo com o presidente do Atlanta United, o clube rejeitou uma proposta de €12,5m pelo jogador e que os clubes interessados devem oferecer três vezes mais para poder contar com o jogador.
A negociação é considerada inviável por alguns jornalistas na Alemanha devido o espaço de jogadores da posição no elenco, porem circulam rumores nos bastidores do BVB que Shinji Kagawa e Pulisic não devem permanecer no clube por muito tempo, já que ambos estavam listados para serem transferidos na temporada anterior e por isso o clube tentará investir no paraguaio.

A Fox Desportes USA cravou a alguns dias que Almirón tinha destino selado na Inglaterra e o pai do jogador confirmou o interesse e contato do Arsenal em uma entrevista a uma rádio paraguaia, o que deixou Darren Eales (Presidente do Clube) “surpreso”, gerando um desconforto interno entre o clube e o Staff do jogador. Foi apurado que o presidente rejeitou a investida de €12,5m do Arsenal, aumentando ainda mais o “desconforto” entre as duas partes, porém nenhuma dessas noticias foram de fato oficializadas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: