Ir para conteúdo
Anúncios

Lateral ex-Manchester United busca recomeço no New England Revs

Se você acompanha futebol europeu de uma forma mais atenciosa e a bastante tempo, com certeza conhece Alexander Buttner, lateral holandês, hoje com 30 anos de idade. Forte e habilidoso, Buttner chegou a ser uma das grandes promessas para a posição, foi contratado por ninguém menos que Alex Ferguson para o Manchester United, porém não conseguiu fazer sua carreira internacional dar certo. Agora, já experiente, chega à MLS para defender o New England Revolution, que assim como ele, busca um recomeço em sua história.

Buttner começou ainda muito novo no Ajax, mas foi revelado profissionalmente por outro clube da Holanda, o Vitesse. Lá, como profissional, foram cinco temporadas, marcando 10 gols em mais de 100 partidas pela equipe. Não demorou muito para que os gigantes europeus começarem a observar Buttner com mais carinho e, no verão de 2012, os Red Devils desembolsaram 5.5M de euros para contar com o jogador. O valor da transferência foi até baixo para os padrões do futebol atual, o que ajudou a aliviar um pouco da pressão da chegada ao novo clube. Aquela altura, Sir Alex já buscava um substituto para Patrice Evra no futuro e, por isso, Buttner teve várias oportunidades na equipe. De cara, jogou em 15 oportunidades por seu novo clube e marcou dois gols. Um bom inicio para um jovem de apenas 24 anos.

Mas na temporada seguinte, já sem Ferguson no comando, a temporada do Manchester United foi trágica e alguns jogadores acabaram fritados no processo. Buttner, que entrou em campo 15 vezes, foi um deles e acabou deixando o clube rumo ao Dinamo Moscou pelo mesmo preço que havia sido comprado há dois anos. Um grande passo atrás na carreira do lateral. Em Moscou, apesar de seus 31 jogos na primeira temporada, acabou emprestado ao Anderletch na temporada seguinte, onde voltou a jogar pouco. Na volta à Russia, amargou a reserva e precisou dar mais um passo atrás na carreira: Em 2016, quatro anos após assinar com um gigante inglês, Buttner estava de volta ao Vitesse, clube que o revelou.

Nos últimos três anos, foi titular absoluto do time holandês, e na primeira temporada ainda levantou o caneca da Copa da Holanda. Mas tudo isso não garantiu à Buttner o retorno a um grande centro da Europa e nem mesmo a permanência no Vitesse. Para a atual temporada, 19/20, o lateral esquerdo não teve seu contrato renovado e estava, desde então, sem clube.

Reprodução Twitter NE Revs

Anunciado hoje (01/11/2019) como reforço do New England Revolution para a temporada 2020 da MLS, Buttner certamente chegará como estrela da liga. Experiente, mas ainda novo e com passagens por grandes centros, pode trazer muita qualidade ao lado esquerdo dos Revs. Num time em reconstrução, já muito mais forte que em outros tempos, Buttner pode encontrar seu lugar em uma liga onde os estrangeiros são muito bem-vindos e já chegam com muita moral. Focado, o holandês tem tudo para ser um dos grandes laterais da MLS na próxima temporada.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: