Em jogo físico, Orlando e Philadelphia empatam e definem Grupo A

Na noite desta segunda-feira (20), Orlando City e Philadelphia Union entraram em campo para decidir quem seria o líder da chave A do MLS is Back. A partida, muito disputada, acabou empatada em 1 a 1, levando as duas equipes aos 7 pontos. O resultado confirmou o Orlando City como campeão do grupo A pelo melhor saldo de gols.

O brasileiro Ilsinho abriu o placar para o Union e Pereyra empatou para o City. Porém, o grande destaque do jogo foram os goleiros que, com boas defesas, pararam a maior parte das ações ofensivas adversárias.

O Orlando espera seu adversário – que virá do grupo C, D ou E. O Union, segundo colocado, enfrentará o segundo colocado do grupo C. Ambos confrontos acontecem no dia 25 de julho.

O JOGO

O primeiro tempo da partida foi bastante equilibrado. As equipes praticamente dividiram a posse de bola e quem mais se destacou foram os goleiros das equipes. Gallese, pelo lado do City e Blake, pelo lado do Union, garantiram que o placar ficasse no zero durante os quarenta e cinco minutos iniciais. Junior Urso, que vinha fazendo boa partida, precisou ser substituído ainda na primeira metade de jogo, em função de uma lesão.

No início da segunda parte, o Orlando criou duas chances em cinco minutos: a finalização do atacante Mueller e o rebote foram parados pelo goleiro Blake. Até os quinze minutos do segundo tempo, era Philadelphia que tinha mais a posse de bola, mas quem melhor chegava ao gol adversário era o Orlando, fazendo trabalhar a defesa adversária.  Aos 20 minutos, Antônio Carlos cabeceou forte o cruzamento feito por Nani e a bola, desviada por Blake, explodiu no travessão. O Orlando estava mais próximo do gol.

A resposta veio logo depois, aos 23 minutos. Em boa jogada pelo lado direito do ataque, Ilsinho invadiu a área e bateu cruzado, sem chances para Gallese, marcando o primeiro gol da partida. O gol, porém, não deu tempo nem de ser comemorado pelo Union. Aos 25  minutos, Nani escapou pela esquerda e levantou na área para Pereyra cabecear e empatar a partida.

Após os gols, a partida ficou um pouco mais física e menos técnica. Aumentaram o número de faltas e poucas chances perigosas foram criadas e a partida terminou empatada em 1 a 1.

FICHA TÉCNICA

Philadelphia Union – 1
Blake; Gaddis, Elliot, McKenzie, Wagner; Creavalle (Glesnes), Bedoya, Monteiro, Aaronson (Real); Santos (Ilsinho), Przybylko.
TEC: Jim Curtin

Orlando City – 1
Gallese; Ruan, Antônio Carlos, Jansson, Moutinho; Rosell, Júnior Urso (Méndez); Mueller (Perea), Pereyra (Patiño), Nani; Akindele (Michel).
TEC: Óscar Pareja

Gols: Ilsinho (PHI); Pereyra (ORL)
Cartões Amarelos: Bedoya, Glesnes (PHI); Rosell, Ruan (ORL)

MELHORES MOMENTOS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s