Houston Dynamo leva dois gols, mas consegue a virada

Nesse sábado, aconteceu o duelo entre Houston Dynamo San Jose Earthquakes. Os comandados de Wilmer Cabrera tinham um desafio tranquilo pela frente, enfrentar os atuais lanternas da Conferência Oeste, o problema é que o San Jose Earthquakes encontrou dois gols nos primeiros 45 minutos, complicando demais a vida dos donos da casa.

O Houston Dynamo virou para 3×2 e conseguiu somar mais três pontos. Os gols começaram a sair aos 36 minutos. Com a bola dominado, o Houston Dynamo perdeu a posse de bola na defesa do San Jose Earthquakes que rapidamente ligou o contra-ataque. Tommy Thompson foi acionado na ponta direita e partiu para cima de Alejandro Fuenmayor. O defensor do Houston Dynamo acabou cometendo pênalti no camisa 22 do San Jose Earthquakes.

Na cobrança, Chris Wondolowski mandou no canto esquerdo de Joe Willis. O goleiro acertou o canto, mas não conseguiu chegar na bola.

Aos 45 minutos, o San Jose Earthquakes chegou ao seu segundo gol. Jackson Yueill recebeu lançamento dentro da grande área e com apenas um toque na bola, conseguiu colocar ela no meio da pequena área. E definitivamente não era a noite de Alejandro Fuenmayor que quando tentou tirar a bola, acabou colocando no fundo das redes do Houston Dynamo.

Com o baixo rendimento da sua equipe, Wilmer Cabrera foi obrigado a realizar algumas alterações na equipe. Adolfo Machado e Romell Quioto entraram no lugar de Memo Rodriguez e Alejandro Fuenmayor.

As mudanças começaram a surtir efeito. O Houston Dynamo trocou mais passes e contou com a inteligência dos seus jogadores para chegar aos gols que levariam o time a vitória.

Aos 55, Tomás Martínez mandou a bola entre os defensores do San Jose Earthquakes. Mauro Manotas dominou e sem espaço conseguiu finalizar para o fundo das redes de Andrew Tarbell.

Aos 68, o gol de empate dos donos da casa. Escanteio cobrando da esquerda para a direita. A defesa do San Jose Earthquakes não conseguiu cortar e ela sobrou para Tomás Martínez que dominou e finalizou para o gol sem goleiro.

Mauro Manotas estava infernizando a vida do San Jose Earthquakes. Aos 87, ele recebeu a bola na ponta direita e levou até a linha de fundo. O camisa 09 do Houston Dynamo cruzou rasteiro. Andrew Tarbell conseguiu tocar na bola, mas não suficiente para impedir que ela chegasse aos pés de Romell Quioto. O camisa 31 conseguiu receber a bola e marcar o terceiro e último gol do Houston Dynamo na partida.

Com poucas chances de classificação para os Play-Offs, o Houston Dynamo terá mais quatro jogos pela frente. No próximo final de semana, a equipe jogará contra o Seattle Sounders FC em Seattle. A equipe tem apenas 30 pontos.

Por outro lado, o San Jose Earthquakes já não tem mais chances de buscar uma classificação, mas ainda terá três jogos pela frente. O próximo será contra o New York Red Bulls.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: