Apenas com reservas e jovens, NYCFC usa Florida Cup para fazer testes

Se você pegar a escalação do New York City FC no jogo contra o Corinthians, pela Florida Cup, vai se assustar. A equipe que começou a partida contra o time brasileiro não se parece em nada com aquela que foi bem na última temporada, liderando a Conferência Leste na temporada regular e chegando até as semifinais. Mesmo assim, por melhor que seja a equipe principal, não deve bater o Corinthians. Com o time reserva e cheio de jovens, então, pior ainda.

Pois é, foi assim que o NYCFC entrou em campo na Florida Cup. Cheio de jovens, com reservas e simplesmente nenhum titular relacionado para a partida. O time principal acabou de voltar das férias, então foram poupados da competição amistosa. Apesar de fazer sentido, é estranho, convenhamos. Além de tudo isso, até o treinador era novo. Ronny Deila foi anunciado apenas no dia 6 de janeiro

E no primeiro tempo, enquanto o Corinthians entrava com o time praticamente titular e cheio de vontade para mostrar serviço diante do novo treinador Tiago Nunes. Logo, normal o time brasileiro partir mais para o ataque e criar as melhores chances. Não deu outra. Em uma falta inexistente criada pela arbitragem, Luan abriu o placar logo nos primeiros minutos. Na sequência, um erro americano na saída de bola e um chute de longe causou o segundo gol. Na segunda etapa, depois de muitas mudanças, o NYCFC descontou em um gol contra de Bruno Mendéz.

Reprodução/Twitter @NYCFC

O NYCFC ousou ao colocar somentes jovens e reservas em campo, dando um caráter de puro teste no jogo. Os erros de passes, marcação e finalizações foram nítidos de atletas novatos, tudo bem. Apesar das falhas técnicas e táticas, o New York teve motivos para se orgulhar. A marcação imposta foi boa e deu uma certa dificuldade ao Corinthians, especialmente no primeiro tempo. A saída de jogo foi fraca e deve melhorar, com certeza, quando os titulares entrarem.

As chances ofensivas foram poucas e bem fracas, sinceramente. Mesmo assim, o time conseguiu um gol. Contra, é verdade, mas a jogada feita por Kapanadze foi ótima. Os goleiros Barraza e Mizell acabaram exigidos durante o tempo em campo e conseguiram se destacar com boas defesas.

Esqueçam Corinthians, Palmeiras, Atlético Nacional. Aqui o foco é no NYCFC, o time da MLS na Florida Cup. E que não passou o vexame esperado antes do jogo, conseguindo até um resultado digno pela equipe que entrou em campo contra um adversário mais forte. É hora de ver como Deila vai ajeitar essa equipe e imaginar como estarão os titulares no final de fevereiro, quando começa a Major League Soccer.

De um possível desastre no cenário próximo, sobrou dignidade e vontade. Nada mal, nada mal mesmo.

NYCFC XI | Barraza, Scally, Ibeagha, Sands, Rocha, Haak, Torres, Fatah, Zelalem, Jasson, De Rosario

Subs | Mizell, Taylor, Gray, Amponsah, Dumas, Suchecki, Kim, Kapanadze, Fortune, Perez, Lansade, Acito, Flax

Um comentário sobre “Apenas com reservas e jovens, NYCFC usa Florida Cup para fazer testes

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s