MLS libera novo tipo de patrocínio para ajudar franquias

A Major League Soccer, anunciou que as equipes poderão comercializar espaço no calção este ano como forma de compensar as perdas financeiras causadas pela pandemia do coronavírus. Segundo o jornal Washington Post, a liga autorizou que as franquias vão ao mercado em busca de parceiros para o local.

O comissário da MLS, Don Garber, estima perdas de US$ 1 bilhão devido ao enorme impacto econômico da crise da COVID-19. Por isso a liga quer tirar proveito de ser o primeiro esporte coletivo masculino dos EUA a voltar a ser transmitido na televisão.

MLS Red Bulls vs Crew SC, Columbus, USA - 04 Nov 2018
Foto: Reprodução

A liberação do patrocínio no shorts também permitirá que as equipes ajudem a cumprir as obrigações contratuais com os patrocinadores locais, que, por exemplo, dependem da exposição em estádios que estarão fechados por tempo indeterminado.

Patrocinio em shorts se tornaria o terceiro local em que publicidade em uniformes da MLS é autorizado. Desde 2007, os times têm permissão para “vender” a frente da camisa, assim como a maioria dos times de futebol do mundo. Este ano, a liga permitiu pequenos patrocínios na manga direita.

Especula-se que a MLS esteja estudando também a possibilidade de permitir logotipos na manga esquerda das camisas. Na manga direita a liga já autorizou desde a última temporada. Atlanta United, LAFC, DC United, Sporting Kansas City e Toronto FC já firmaram acordos comercias para o local.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s