Em jogo decisivo, FC Cincinnati surpreende, vence New York Red Bulls e se classifica

Nesta quarta-feira (22), FC Cincinnati e New York Red Bulls se enfrentaram no ESPN Wide World of Sports Complex, em Orlando, na Flórida, para partida crucial e decisiva no grupo E do “MLS Is Back Tournament”. Quem arrancasse a vitória, garantiria a vaga para o mata-mata da competição, e quem conseguiu este feito, por incrível que pareça, foi o time do Cincy, comandado por Jaap Stam.

O JOGO

Como já era esperado antes da partida começar, a equipe do New York Red Bulls, um time com um tempo de trabalho do técnico, Chris Armas, maior e com jogadores mesmo jovens já consolidados, começou melhor, jogando com mais posse e a partir daí articulando as jogadas. Jogadas essas, que na primeira etapa não foram tão perigosas, inclusive poucas em quantidade, somando apenas 2 chutes ao gol, apesar de cerca de 67% de posse. Além disso, era clara a proposta do time do FC Cincy, comandado pelo lendário Jaap Stam, de jogar no contra-ataque, explorando os espaços que o time de Nova Iorque naturalmente deixaria quando se jogasse ao ataque. Por isso, 51% das ações do jogo, ou seja mais da metade, aconteceram no campo de defesa do time de Ohio, e 38% no meio-campo e somente 10% acontecendo no campo defensivo dos Red Bulls, que atacaram principalmente pelo lado esquerdo, utilizando-se da qualidade de Kaku Gamarra e Daniel Royer. Porém, essa superioridade do time dos touros não foi correspondida e o Cincy aproveitou para, com Kubo, no finalzinho dos 45 primeiros minutos, marcar o tento que abriu o placar e deu a vitória temporária até a segunda parte.

Na etapa final do jogo, o panorama do primeiro tempo continuou o mesmo, com os Red Bulls atacando, Cincy se defendendo, e também com o time de Ohio surpreendendo e em uma das poucas chances que teve convertendo. Desta vez, no começo desta etapa, o gol foi contra do NYRB, com Florian Valot. E depois do gol, os novaiorquinos, em desvantagem, pressionaram ainda mais, chegando a ter 70% de posse e algumas finalizações, mas sem sucesso. E mesmo com diversas alterações feitas por Chris Armas, os touros não conseguiram chegar ao gol e amargaram mais uma derrota na competição.

Com esta derrota, inclusive, agora o New York Red Bulls amarga a eliminação, mesmo tendo 3 pontos no grupo. Já o time do Cincinnati, como já falamos anteriormente, garante vaga para próxima fase.

FICHA TÉCNICA

FC Cincinnati – 2
Tyton; Claude (Abdul-Salam), Watson (Hagglund), Deplagne, Pettersson, Gutman, Stanko (Alashe), Medunjanin, Amaya, Kubo (De Jong), Regattin (Vásquez). Técnico: Jaap Stam.

New York Red Bulls – 0
Jensen, Duncan, Long, Tarek, Pedant, Davis, Casseres Jr (Rzatwoski), Valot (Stroud), Kaku Gamarra (Mines), Royer (White), Fernández (Barlow). Técnico: Chris Armas.


Gols: Kubo (FCC), Valot (contra)
Cartões Amarelos: Deplagne (FCC), Pendant (NYRB)

Um comentário sobre “Em jogo decisivo, FC Cincinnati surpreende, vence New York Red Bulls e se classifica

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s