Após eliminação, técnico do Sporting Kansas City chama responsabilidade pela derrota: “A culpa é minha”

Foto: Reprodução Instagram Sporting KC

Em jogo realizado ontem (29), o Philadelphia Union eliminou o Sporting Kansas City do MLS Is Back . O time venceu por 3 a 1 os comandados de Peter Vermes e segue sua jornada rumo à semifinal do torneio.

Após a eliminação, o técnico do Kansas City chamou a responsabilidade e assumiu a culpa pela postura da equipe em campo: ” O time não estava pronto , e a culpa é minha”, disse Vermes. A postura do Sporting Kansas City no jogo não foi das mais elogiáveis, especialmente no primeiro tempo. O Philadelphia precisou de apenas 15 minutos para marcar três gols e definir a partida.

Com gols entre os 24″ e os 39″, o Philadelphia marcou três vezes e abriu ótima vantagem na partida ( Reprodução / Instagram Philadelphia Union)

Frustrado com a derrota, Peter destacou que essa não é a postura habitual do clube, ainda mais em jogos como esse: “Desde que assumi este time, raramente vi a equipe entrar em campo fora de foco, ou sem vontade de vencer, ainda mais em partidas de playoff.” O treinador destacou o fato do time estar acostumado a jogar partidas eliminatórias.

O Sporting Kansas City foi campeão da US Open Cup recentemente, em 2017, finalista da Conferência Oeste da Major League Soccer em 2018 e semifinalista da Concachampions em 2019. Logo, Peter Vermes esperava muito mais dos seus jogadores: “Foi embaraçoso o que fizemos na primeira etapa”, afirmou.

Sob o comando de Peter Vermes, o Sporting Kansas City venceu uma MLS Cup, além de três títulos da US Open Cup ( Reprodução/ Instagram Sportng KC).

O treinador ainda destacou o fato da equipe ter tomado três gols em 15 minutos, dizendo que o time só acordou quando era tarde demais: “É ‘fácil’ reagir após tomar três gols, o adversário ‘tira o pé’ e a sua mente assimila melhor a necessidade de mudar a postura em campo. Tentamos voltar pro jogo no segundo tempo”. De fato, além do atacante Pulido ter descontado pro Kansas City já nos acréscimos do primeiro tempo, o time voltou com tudo na segunda etapa, disposto a correr atrás do prejuízo, porém esbarrou em grande atuação do goleiro Blake. A reação se mostrou ineficaz, além de tardia, pois o time só esboçou reação quando o adversário já tinha construído uma vantagem bem significativa no jogo.

Na visão de Peter, a falta de foco e de vontade na partida prejudicaram a atuação do Kansas City no momento mais essencial. Ele entende que o seu time deveria ter começado a jogar bem desde o início: “Quando estava 0 a 0 jogamos muito abaixo do que poderíamos”, disse ele.

Time do Kansas City sofreu “apagão” no primeiro tempo, tentou reagir, mas não conseguiu ( Reprodução/ Instagram Philadelphia Union)

Após o resultado indigesto, o time do Sporting Kansas City pensa agora em se refazer, visando a volta da temporada regular da Major League Soccer. O retorno da competição está previsto pro mês de Setembro.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s