Com direito a penalti bizarro, Montreal surpreende Toronto e vence na casa do rival

Na noite desta terça-feira (1), o Toronto FC recebeu o Montreal Impact em sua casa para mais um clássico do Canadá e com todo o favoritismo a seu favor. Tal favoritismo se mostrou verdadeiro e o time vermelho dominou boa parte do jogo, mas tomou um gol logo no começo e não teve competência para furar o gol defendido por Diop, que fez no mínimo seis defesas importantes. Em jogada de bola parada, o ferrolho de Thierry Henry marcou o único gol do jogo e venceu a partida por 1 a 0.

O JOGO

Logo com dois minutos de jogo, Diop, goleiro do Montreal Impact, já precisou trabalhar e fazer bela defesa em cobrança de falta de Jozy Altidore, de volta ao time. Aos 10′, o mesmo Diop saiu jogando errado e a bola sobrou com Delgado, mas o goleirão conseguiu se recuperar e fez boa defesa. Três minutos depois, em jogada ensaiada de escanteio, Quioto cruzou e Rudy Camacho apareceu por trás da defesa, cabeceando firme e vencendo o goleiro Westberg, 1 a 0 Montreal, para a surpresa de todos.

Daí em diante, o Toronto iniciou uma pressão forte em busca do empate, mas a pontaria do time não estava calibrada. Aos 42′, o brasileiro Auro cruzou e Altidore mergulhou pra desviar a bola, porém Diop, em noite iluminada, defendeu com a ponta dos dedos e jogou pra escanteio. Linda defesa! Um minuto depois, Camacho puxou Altidore na área e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, a pixotada. Pozuelo e Piatti tentaram imitar Messi e Suárez e até conseguiram, bola na rede. No entanto, o juizão entendeu que Piatti invadiu a área e anulou o gol do Toronto.

No segundo tempo, o Toronto voltou ainda mais sem inspiração para a partida e nem mesmo a entrada de Akinola fez com que a equipe encontrasse seu gol. Bom para o Montreal, que se defendeu bem e conquistou três pontos importantes para a sequência da temporada. O TFC volta à campo no sábado, quando visita o Vancouver Whitecaps. Já o Impact descansará no final de semana.

FICHA TÉCNICA

Toronto FC – 0
Westberg; Auro, González, Mavinga (Gallardo) e Morrow; Bradley, Delgado (Akinola) e Pozuelo; Piatti (DeLeon), Osório e Altidore (Endoh).
Téc: Greg Vanney

Montreal Impact – 1
Diop; Camacho, Binks e Raitala; Brault-Guillard, Piette, Wanyama, Maciel e Lappalainen (Bojan); Taider; Quioto (Okwonkwo).
Téc: Thierry Henry

Gols: Camacho (MTL)
Cartões Amarelos: Pozuelo (TOR) / Camacho, Brault-Guillard, Wanyama, Taider e Maciel (MTL)

MELHORES MOMENTOS

(Foto: Reprodução Twitter/Montreal Impact)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s