Confronto entre campeões: North Carolina Courage e Houston Dash se enfrentam pela Fall Series

A National Women’s Soccer League (NWSL) volta neste sábado (12) para dar continuidade à Fall Series, seu novo torneio que acontece entre setembro e outubro. Desta vez, o campeão da NWSL Challenge Cup viaja até Cary, na Carolina do Norte, para enfrentar o último campeão da temporada regular, o North Carolina Courage.

O Houston Dash encara o desafio de sair vitorioso pela primeira vez em um confronto contra o Courage. O histórico não é animador: sete derrotas em oito jogos e apenas um empate. Os dois times geralmente estão em lados opostos da tabela: o Courage ficou no topo das três últimas temporadas regulares da NWSL, enquanto a melhor posição do Dash foi em sexto lugar. Na última vez que os times se encontraram, em 2019, o time de Houston foi derrotado por 1×0. Mas 2020 pode ser um ano de mudanças.

A Challenge Cup mostrou uma NWSL bem diferente do que estamos acostumados. O Courage, que sofreu menos mudanças e contava com 10 das 11 titulares da última conquista do Championship em 2019, se viu derrotado nas quartas de final pelo último colocado da fase de grupos, o Portland Thorns. Já o Dash, que vinha de um sétimo lugar na última temporada, foi a surpresa do campeonato desde as primeiras rodadas. Com a melhor organização tática do torneio, a equipe chegou até a final e derrotou o Chicago Red Stars para levar a taça do primeiro torneio realizado pela liga.

No confronto deste sábado, o Houston Dash leva mais uma vantagem: o Courage não poderá contar com diversas peças essenciais em seu elenco. Crystal Dunn, Abby Erceg, Kristen Hamilton, Jessica McDonald e Jaelene Daniels optaram por não participar da competição. Sam Mewis se transferiu para o Manchester City/ING, e Denise O’Sullivan está emprestada para o Brighton & Hole Albion/ING. A equipe perde assim duas titulares na defesa, entre Erceg e Daniels, além de já ter Merrit Mathias, a titular da lateral direita, se recuperando de lesão desde o ano passado; três jogadoras fundamentais no meio de campo, com Dunn, Mewis e O’Sullivan; e duas de suas referências para o ataque, com Hamilton e McDonald. A equipe tem ainda a promissora rookie Ally Watt, sexta escolha geral do draft universitário, com uma lesão que a deixa de fora da temporada até o próximo ano. Diferentemente da equipe que vimos na Challenge Cup, podemos esperar um Courage menos experiente e pouco entrosado para o confronto.

Já o Houston Dash vem com poucas mudanças desde o último torneio. A equipe contará com seus pilares defensivos, Katie Naughton e Megan Oyster para a Fall Series, embora Oyster esteja indisponível para a partida contra o Courage; Kristie Mewis, Shea Groom, Nichelle Prince, Bri Visalli, Veronica Latsko e Sophie Schmidt nos setores do meio e do ataque, além da goleira Jane Campbell, que passa a ser capitã na ausência da MVP da Challenge Cup, Rachel Daly, que está emprestada ao West Ham/ING.

O maior ponto de atenção para o confronto fica para a defesa e para o meio de campo do Courage. Com desfalques tão importantes, a equipe pode ter dificuldades para segurar o ataque entrosado do Dash, que não deve se intimidar pelo histórico do adversário.

Debinha e Lynn Williams vão comandar o setor ofensivo do North Carolina Courage. (Foto: Reprodução Twitter/NC Courage)

Já a defesa do Houston terá a difícil tarefa de parar as duas melhores playmakers da NWSL esse ano: Debinha e Lynn Williams vão comandar o setor ofensivo do Courage na Fall Series. Velozes e extremamente habilidosas, as duas jogadoras podem definir o jogo para as donas da casa com apenas um lance; as jogadas individuais terão um papel essencial no confronto. Mas sem apoios de tanta qualidade como estão acostumadas a ter com a presença das campeãs mundiais Sam Mewis e Dunn no meio de campo, além de O’Sullivan, a defesa do Dash pode ter mais chances de anular suas jogadas.

Do outro lado, as jogadoras que podem se destacar ofensivamente para o Dash são Groom e Prince. Groom foi uma das artilheiras da última competição, ao lado de Daly e Lynn Williams, marcando o gol que fechou a vitória na final. Prince é uma jogadora de muita velocidade que pode criar boas chances pelas laterais que contarão com jogadoras com jogadoras menos experientes do outro lado.

(Foto: Reprodução Twitter/Houston Dash).

No papel, o Houston Dash vem muito mais forte e confiante para o confronto. Mas se falando de North Carolina Courage, a equipe dominante da liga nos últimos anos, tudo pode acontecer. O certo é que dessa vez, o Courage não poderá se acomodar com o resultado e com o seu status na liga se quiser vencer. O Dash não poupará esforços para mostrar a nova fase do time, ainda mais contra um adversário historicamente tão hegemônico.

A partida acontecerá às 16h30 (horário de Brasília) e será transmitida gratuitamente pela Twitch.

Nesse sábado ainda teremos o confronto entre Washington Spirit e Chicago Red Stars às 13h.

(Foto: Reprodução Twitter/Houston Dash)

Um comentário sobre “Confronto entre campeões: North Carolina Courage e Houston Dash se enfrentam pela Fall Series

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s