sábado, abril 13, 2024
InícioMajor League SoccerInter Miami CFEm amistoso, Inter Miami é goleado pelo Barcelona

Em amistoso, Inter Miami é goleado pelo Barcelona

Dito como “jogo mais importante da história do clube” por Phill Neville, time da MLS finaliza apenas uma vez durante os 90 minutos

Nesta terça-feira (19), o Barcelona iniciou sua preparação para a temporada 2022/2023 com o pé direito. Jogando contra o Inter Miami, a equipe catalã não teve dificuldades em despachar o adversário por 6 a 0, no próprio DRV PNK Stadium. Aubameyang, Raphinha, Ansu Fati, Gavi, Depay e Dembélé marcaram.

Em nono na Conferência Leste, o Inter Miami não vence há três rodadas na Major League Soccer, mas segue na briga por uma vaga para os playoffs. A franquia da Flórida está dois pontos atrás do atual sétimo colocado, FC Cincinnati, possuindo uma partida a menos que o time de Ohio.

O próximo compromisso dos Herons acontece neste sábado (23), às 20h (horário de Brasília), contra o New York City FC, fora de casa.

Inter Miami e FC Barcelona em ação
(Reprodução: Twitter/ Inter Miami)
  • Quer assistir UM MÊS DE MLS NA FAIXA? Assine AGORA mesmo o DAZN e tenha 30 dias grátis! Clique AQUI!

O JOGO

Os treinadores Phill Neville e Xavi promoveram o jogo para realizar testes em seus elencos, principalmente na segunda etapa, mas mesmo com o time titular durante os 45 minutos iniciais, o Inter Miami não conseguiu fazer frente ao gigante clube da Espanha em nenhum momento da partida.

Muito pelo contrário. A situação vista foi de superioridade técnica e tática durante toda o duelo, mesmo com os jogadores do Barcelona retomando as atividades físicas em uma semana após as férias.

Empurrado pela maior parte da torcida, o Barcelona terminou o duelo com 66% da posse de bola e 23 finalizações, oito em direção ao gol dos mandantes. O Inter Miami, por sua vez, não conseguia trocar passes no meio-de-campo e ficar com a bola e influenciou na produção ofensiva da equipe, que só finalizou apenas uma vez.

O primeiro tempo se encerrou por 3 a 0 para a equipe blaugrana. Aubameyang abriu o placar aos 19′, após tabela de Raphinha com Pedri, o brasileiro tocou para o gabanês chutar com categoria na saída de Marsman. Raphinha, aproveitando cruzamento de primeira, aos 25′, e Ansu Fati, aproveitando espaços da defesa do Miami para dar um belo chute, aos 42′, também deixaram suas marcas.

Na etapa complementar, o confronto ganhou mais aspectos de jogo-treino. O Barcelona aproveitou para ensaiar jogadas e padrões táticos enquanto o Inter Miami testava as limites de seu elenco e a capacidade das peças do elenco.

Aos 55′, Depay bateu escanteio rasteiro no lado esquerdo e Gavi se antecipou a defesa dos Herons para chutar forte e anotar o quarto gol da equipe blaugrana.

Sob os pés do holandês também saiu o quinto. Aos 69′, novamente pelo lado esquerdo, De Jong deu passe para Depay girar sob a marcação de Ryan Sailor e ficar cara a cara com Diop e chutar no canto, dando nenhuma chance para o goleiro.

No minuto seguinte, Ousmane Dembélé deu números finais ao fazer o gol mais bonito da partida. O francês recebeu no círculo central, carregou por todo o campo de defesa do Miami, passou no meio de dois marcadores, escapou da marcação do terceiro e chutou rasteiro no canto da meta dos mandantes.

Nos 45 minutos finais, a apatia dos jogadores do clube da MLS chamou a atenção, principalmente neste último lance, o sistema defensivo do clube da Flórida não demonstrou nenhuma resistência aos avanços de Dembélé e o jogador do Barça teve a liberdade de fazer o que quisesse com a bola.

Antes do término do embate, Neville promoveu a estreia de Romeo Beckham, filho do craque e proprietário do Inter Miami, David Beckham. Jogador do time B da franquia, o Fort Lauderdale, da USL League One, o ponta-direita de 19 anos não teve muito tempo para demonstrar seu futebol até o apito final.

MELHORES MOMENTOS

FICHA TÉCNICA

Inter Miami CF — 0
Marsman (Diop); Gibbs (Allen), Mabika (McVey), Lowe (Quinteros), Yedlin (Neville); Gregore (Sailor), Ulloa (Jones), Pozuelo (Taylor); Duke (Beckham), Vassilev (Jean Mota), Higuaín (Rodríguez)
Téc.: Phil Neville

FC Barcelona — 6
ter Stegen (Peña); Dest (Torre), Christensen (Araújo), García (Sergi Roberto), Baldé (Alba); Kessié (de Jong), Pedri (Ezzalzouli [Casadó]), González (Busquets); Ansu Fati (Gavi), Raphinha (Dembélé [Collado]), Aubameyang (Depay)
Téc.: Xavi

Gols: Pierre-Emerick Aubameyang, Raphinha, Ansu Fati, Gavi, Memphis Depay e Ousmane Dembélé (FCB)

(Capa: Reprodução/ Twitter FC Barcelona)

 

RELATED ARTICLES
- Advertisment -
Territorio F1

Populares

Concacaf