sábado, abril 13, 2024
InícioMajor League SoccerHouston DynamoCom virada relâmpago, Houston Dynamo vence o San Jose Earthquakes e encerra...

Com virada relâmpago, Houston Dynamo vence o San Jose Earthquakes e encerra sequência ruim

Mesmo saindo atrás do placar, Houston Dynamo conseguiu marcar dois gols em cinco minutos e sair com uma importante vitória, quebrando uma sequência de quatro jogos sem vencer

(Reprodução: Twitter)

Com direito a uma virada relâmpago e dois gols em menos de cinco minutos, a equipe do Houston Dynamo conseguiu vencer fora de casa o San Jose Earthquakes e voltou a vencer um jogo após quatro partidas sem triunfar.

A vitória no jogo deste domingo (17) deu esperanças para Houston na briga por uma vaga nos playoffs da MLS; a equipe do treinador brasileiro Paulo Nagamura conseguiu se aproximar da zona de classificação ao mata mata da liga e agora mira a parte de cima da tabela, chegando aos 25 pontos, somente dois atrás do sétimo colocado LA Galaxy, com 27 pontos, o primeiro da zona de playoffs.

Nagamura foi essencial na virada da equipe texana; após sair atrás no placar, o treinador brasileiro mexeu no sistema tático da equipe, trocando o volante Matias Vera pelo centroavante paraguaio Sebastián Ferreira; e foi dos pés de Ferreira que saiu o gol de empate de Houston, dois minutos depois do jogador entrar.

Houston Dynamo voltou a vencer após quatro partidas, com três derotas e um empate. Chegou aos 25 pontos e ocupa atualmente a decima primeira colocação da Conferência Oeste; na próxima rodada, encara o Minnesota United em Houston no sábado (23).

Já o San Jose Earthquakes ocupa somente a vice lanterna também da Conferência Oeste com 22 pontos, cinco atrás do LA Galaxy e volta a campo nesta quarta-feira (20) para um amistoso internacional contra o Celta de Vigo da Espanha. Pela Major League Soccer, joga no sábado (23) contra o Portland Timbers fora de casa.

O JOGO: 

O primeiro tempo foi de dominio do San Jose Earthquakes, Houston teve dificuldades para fechar a entrada da área, mas o ataque do San Jose, mesmo criando chances, acabou sendo ineficiente e acabou sem gols o primeiro tempo.

No segundo tempo, Houston mudou a sua postura e cresceu na partida, mas em falta lateral cobrada pelo ótimo Cristian Espinoza, Tommy Thompson resvala de cabeça, a bola bate na trave e volta nos pés de Jackson Yueill, que abre o placar.

Foi ai que Paulo Nagamura entrou em ação, o técnico brasileiro troca o esquema tático da equipe e coloca o centrovante paraguaio Sebástian Ferreira, que apenas dois minutos depois de entrar em campo, empatou a partida em contra ataque puxado por Fafà Picault.

Um minuto após o gol de empate, em um vacilo gigantesco do renomado Hector Herrera, quase San Jose passou novamente a frente, mas Tim Parker operou um milagre e salvou a equipe do Houston Dynamo.

Empolgados com um gol aos 71 minutos e uma salvada espetacular de Tim Parker aos 73, Houston consegue a virada aos 75 minutos de partida, e completa cinco minutos de pura mágica no Avaya Stadium; um lindo chute do islandês Thor Úlfarsson, deu números finais a partida.

FICHA TÉCNICA 

San Jose Earthquakes – 1
Marcinkowski; Thompson, Cardoso, Beason, Marie; Remedi(Skahan), Yueill, Monteiro; Espinoza. Ebobisse, Kikanovic(Cowell).
Téc.: Josh Wolff

Houston Dynamo — 2
Clark; Dorsey, Hadebe, Parker, Lundqvist; Carrasquilla(Bartlow), Herrera, Vera(Ferreira); Picault (Cerén), “Thor” Urfasson (Pasher), Quintero (Memo Rodriguez).
Téc.: Paulo Nagamura

Gols: Yueill (SJO) Sebastian Ferreira e “Thor” Urfasson (HOU)

Cartões amarelos: Monteiro (SJO) Vera, Parker, Picault (HOU)

(Capa: Reprodução/Twitter/Houston Dynamo)

@Tiagobrandao_8
@Tiagobrandao_8
Jornalista brasileiro cobrindo a Major League Soccer diretamente do Rio de Janeiro no Brasil.
RELATED ARTICLES
- Advertisment -
Territorio F1

Populares

Concacaf